Pablo Carreño Busta: “Poder levantar finalmente este troféu deixa-me muito contente”

0

ESTORILCampeão da edição de 2017 Millennium Estoril Open, num torneio onde não cedeu qualquer set durante toda a semana e após no ano passado ter cedido na final, Pablo Carreño Busta não poderia estar mais satisfeito por finalmente levantar o troféu no Clube de Ténis do Estoril, um local onde afirma sentir-se bastante bem.

“Estou muito feliz. Depois de perder a final do ano passado, da maneira que foi, num encontro tão renhido, voltar este ano ao Estoril como primeiro cabeça de série do torneio e poder levantar finalmente este troféu deixa-me muito contente”, disse o tenista espanhol, número 21 do ranking ATP.

Quanto ao sucesso em solo português nos últimos anos, o tenista espanhol de 25 anos afirma apenas que se sente bastante bem no nosso país e que conquistar o título em Portugal é especial.

Estou sempre muito cómodo quando jogo aqui. Não sei se são as condições dos campos, da bola, do ambiente que há, mas a verdade é que me sinto muito bem. Não foi só este ano e o ano passado. O primeiro grande torneio que joguei foi em Portugal (no Jamor) e todos os anos que venho tenho grandes resultados”, afirmou. “Apesar de não ser em casa, é muito especial para mim por todos os resultados que já fiz e como as pessoas me tratam. Oxalá possa continuar a vir muitos mais anos”, finalizou.

Leia também:

About Author

A tirar a licenciatura em Turismo na Universidade Europeia, desde cedo se interessou pelo ténis. Começou aos 9 e desde então tem um olhar atento e constante de tudo o que se passa naquela que considera ser a melhor modalidade a todos os níveis.