Radmilo Armenulic: “Djokovic deve pedir a Becker que regresse”

0

No mesmo dia em que Novak Djokovic anunciou a separação de toda a sua equipa técnica, Radmilo Armenulic, antigo capitão da Jugoslávia na Taça Davis, afirmou em declarações ao site B92 que a decisão de Djokovic foi acertada e que este deve fazer regressar Boris Becker à liderança da sua equipa técnica.

“Esperava esta decisão por parte de Djokovic, porque os seus resultados nos últimos tempos estão muito aquém do esperado de um ex-número 1 mundial. Alguma coisa tinha de mudar e creio que Djokovic tomou a decisão certa”, começou por referir Armenulic.

Tendo Boris Becker como treinador, o tenista sérvio de 29 anos conquistou seis dos seus doze títulos em torneios do Grand Slam, pelo que Armenulic considera que o caminho para Djokovic regressar aos bons resultados passa por voltar a trabalhar com Becker. “Na minha opinião, trazer Becker de volta seria dar o melhor seguimento à decisão tomada, visto que ele jogou o melhor ténis da sua vida quando Becker se juntou à sua equipa”.

O antigo tenista e capitão da Jugoslávia na Taça Davis defende ainda que Djokovic deve fazer mudanças no seu jogo. “Ele já não está tão rápido e, nesse sentido, precisa de começar a encurtar os pontos, em detrimento de longas trocas de bola. Isso quer dizer que ele tem que procurar ganhar mais pontos à rede e fazer mais winners na linha de fundo do court, o que requer um tipo de treino que ele tinha com Becker”, observou.

Leia também:

About Author

Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação pelo ISCTE. Considera-se um privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade.