Rafael Nadal no top-5; David Goffin regressa aos dez primeiros

0

Depois de um torneio de categoria Masters 1000, as alterações ao ranking ATP são sempre imensas, em grande parte devido à quantidade elevada de pontos que são distribuídos. O campeão do Monte-Carlo Rolex Masters foi Rafael Nadal. O maiorquino derrotou Albert Ramos-Vinolas para conquistar o seu 50.º título em terra batida.

Houve três alterações no lote dos dez primeiros do ranking ATP. Rafael Nadal subiu dois lugares para ocupar o 5.º posto da hierarquia masculina, o que fez com que Kei Nishikori descesse o mesmo número de posições. Ao atingir as meias-finais no ATP Masters 1000 de Monte-Carlo, David Goffin alcançou a 10.ª posição na classificação mundial. O belga subiu três lugares e encontra-se no seu melhor ranking de carreira, onde já havia estado anteriormente.

Um dos outros grandes destaques na atualização desta segunda-feira é Albert Ramos-Vinolas, que atingiu um novo recorde pessoal ao chegar à final do torneio monegasco. O jogador espanhol subiu cinco lugares e está no 19.º posto, atingindo pela primeira vez na carreira o top-20 mundial. Diego Schwartzman chegou aos quartos-de-final deste mesmo torneio e ascendeu sete postos, estando agora na 34.ª posição, um recorde pessoal.

1. Andy Murray (Grã-Bretanha), 11.690 pontos
2. Novak Djokovic (Sérvia), 8.085 pontos
3. Stan Wawrinka (Suíça), 5.695 pontos
4. Roger Federer (Suíça), 5.125 pontos
5. Rafael Nadal (Espanha), 4.235 pontos
6. Milos Raonic (Canadá), 4.165 pontos
7. Kei Nishikori (Japão), 4.010 pontos
8. Marin Cilic (Croácia), 3.565 pontos
9. Dominic Thiem (Áustria), 3.385 pontos
10. David Goffin (Bélgica), 2.975 pontos
(…)
19. Albert Ramos Vinolas (Espanha), 2.135 pontos
34. Diego Schwartzman (Argentina), 1.162 pontos

Portugueses:

João Sousa perdeu, esta semana, um lugar, fixando-se no 37.º posto. O número dois nacional Gastão Elias sai do top-100 pela primeira vez, isto após decorrido cerca de um ano depois de lá ter entrado. O tenista da Lourinhã encontra-se no 108.º lugar depois de ter caído 20 postos. Pedro Sousa desceu cinco lugares e está na 219.ª posição, ao passo que João Domingues bateu o seu recorde pessoal e está no 259.º lugar.
Clique aqui para consultar as restantes classificações dos tenistas portugueses no ranking ATP.

Leia também:

About Author

Pedro Cunha

O ténis apareceu na minha vida como apenas mais um desporto mas rapidamente o cheiro das bolas e o pó cor de laranja da terra batida onde pratico tornaram a minha vida melhor. Desde o som das pancadas, ao simples abrir de uma lata nova de bolas, tudo neste desporto tem encanto.