Lara Arruabarrena com novo máximo de carreira; Sara Sorribes Tormo à porta do top-80

0

Nesta última semana, muitas foram as surpresas nos torneios do circuito WTA, com Francesca Schiavone e Marketa Vondrousova a conquistarem os troféus de campeãs em Bogota e Biel, respetivamente. Dentro do lote das cinquenta melhores jogadoras houve apenas uma alteração, que foi a ascensão de Barbora Strycova ao 17.º posto, fazendo assim Samantha Stosur cair para o 18.º.

Entre as restantes jogadoras do top-100, um grande destaque é Sara Sorribes Tormo, que atingiu as meias-finais em Bogota. A espanhola encontra-se no seu melhor ranking de carreira, a 82.ª posição. Lara Arruabarrena atingiu a final em Bogota, cedendo para Francesca Schiavone e logrou uma subida de seis posições até ao 59.º lugar. Anett Kontaveit estava quase a sair do top-100 na semana passada, mas com a final em Biel, na Suíça, encontra-se agora na 74.ª posição.

  1. (1) Angelique Kerber, 7335 pontos
  2. (2) Serena Williams, 7010
  3. (3) Karolina Plisková, 6020
  4. (4) Dominika Cibulkova, 5065
  5. (5) Simona Halep, 5022
  6. (6) Garbiñe Muguruza, 4790
  7. (7) Johanna Konta, 4330
  8. (8) Agnieszka Radwanska, 4290
  9. (9) Svetlana Kuznetsova, 4025
  10. (10) Madison Keys, 3857
    (…)

17.(18) Barbora Strycova, 2130
59. (65) Lara Arruabarrena, 950
74. (99) Anett Kontaveit, 801

 

Portuguesas:

Michelle Larcher de Brito foi a única a registar um movimento ascendente na classificação mundial feminina. A número um nacional encontra-se agora na 234.ª posição, seguida de Inês Murta, que está no 581.º lugar. Maria João Koehler não viu o seu ranking ser alterado, ao passo que Inês Mesquita e Cláudia Cianci perderam postos.

234. (236) Michelle Larcher de Brito, 212 pontos
581. (573) Inês Murta, 44
758. (758) Maria João Koehler, 21
1147. (1141) Inês Mesquita, 5
1164. (1156) Cláudia Cianci, 5

Leia também:

About Author

Pedro Cunha

O ténis apareceu na minha vida como apenas mais um desporto mas rapidamente o cheiro das bolas e o pó cor de laranja da terra batida onde pratico tornaram a minha vida melhor. Desde o som das pancadas, ao simples abrir de uma lata nova de bolas, tudo neste desporto tem encanto.