Gastão Elias fica ‘às portas’ do título no Challenger de Barletta

0

Não correu da melhor forma a 15.ª final de Gastão Elias (97.º) no circuito Challenger, que interrompeu uma série de quatro vitórias em finais em torneios desta categoria. O número um nacional, que aparecia no quadro como primeiro cabeça de série, não resistiu ao derradeiro encontro, acabando por perder ao fim de dois sets para o britânico Aljaz Bedene.

Com um adversário que vinha de uma série de nove triunfos consecutivos — venceu um Challenger em França na semana anterior — e com um ranking superior ao seu, Elias, que apenas cedeu um set rumo à final (tal como o seu oponente), não foi capaz de impor o seu ténis nos momentos decisivos, num encontro em que andou quase sempre atrás no marcador.

O resultado, esse, fixou-se nos parciais de 7-6(4) e 6-3 a favor do tenista natural de Liubliana, com o fator chave do encontro a ser a má entrada do tenista português em ambos os parciais, sofrendo muito cedo breaks que não lhe permitiram discutir da melhor forma ambos os sets.

Apesar da derrota, Gastão Elias consolida o seu lugar no top-100, reentrando no top-90 mundial já na próxima atualização dos rankings, após somar 48 pontos. Quanto ao próximo desafio, voltará a ser em Itália, já na próxima semana, em FrancaVilla.

Leia também:

About Author

A tirar a licenciatura em Turismo na Universidade Europeia, desde cedo se interessou pelo ténis. Começou aos 9 e desde então tem um olhar atento e constante de tudo o que se passa naquela que considera ser a melhor modalidade a todos os níveis.