[Vídeo] Aos 36 anos, Francesca Schiavone regressa aos títulos com conquista de Bogotá

0

Está para as curvas. Aos 36 anos de idade, a italiana Francesca Schiavone sagrou-se campeã do Claro Open Colsanitas, torneio da categoria WTA International que se joga na cidade colombiana de Bogotá, ao bater, este sábado, a espanhola Lara Arruabarrena em dois sets.

Schiavone, que tinha levantado um troféu pela última vez na temporada passada, quando venceu no Rio de Janeiro, mostrou ao longo da semana o seu melhor ténis e, na sua superfície de eleição, a antiga número quatro mundial não cedeu qualquer set na caminhada até ao encontro decisivo, onde acabou por triunfar com parciais de 6-4 e 7-5 ao fim de 1 hora e 41 minutos em court.

A atleta transalpina entrou na partida com a corda toda e, ao segundo jogo, quebrou o serviço de Arruabarrena a zero, consolidando uma vantagem de um break que iria durar até à parte final do set quando, a servir a 5-3 para fechar a primeira partida, Schiavone permitiu a quebra de serviço à adversária, tendo voltado à carga no jogo seguinte para registar novo break e encerrar a primeira partida a seu favor. No segundo set a história foi diferente, com Lara Arruabarrena a elevar o seu nível de jogo. Contudo, a espanhola desperdiçou quatro set points e a chance de forçar um decisivo terceiro parcial, entregando o título à antiga campeã de Roland Garros, que aproveitou para conquistar o seu oitavo título de singulares.

A semana dourada de Bogotá vai permitir a Francesca Schiavone dar um salto gigantesco na próxima atualização do ranking WTA, com a tenista natural de Milão a escalar 64 posições e a colocar-se no 104.º lugar, bem perto de reentrar no top-100 mundial. Quanto a Lara Arruabarrena, campeã do torneio em 2012, falhou a conquista do seu terceiro troféu mas, ainda assim, vai alcançar um novo máximo de carreira na próxima segunda-feira, ao subir seis lugares na hierarquia até ao 59.º posto.

Leia também:

About Author

Daniel Sousa