Gastão Elias: “Temos de esperar pelo sorteio mas estamos confiantes”

0

LISBOA – Com a história no horizonte e um sorteio à porta, Gastão Elias abordou, em conferência de imprensa, a próxima eliminatória de Portugal na Taça Davis, que será uma das mais importantes — senão mesmo a mais importante — da história do país.

“É verdade que podemos vir a fazer história. Acho que vai depender muito do sorteio porque há países bem mais acessíveis do que outros. Acredito até que alguns não venham com os seus melhores jogadores“, começou por dizer o jogador natural da Lourinhã.

“Se jogarmos em Portugal, e numa data que é depois do US Open, provavelmente escolheremos terra batida e acredito que muitos jogadores de terra batida não queiram vir até aqui e fazer essa transição. Temos de esperar pelo sorteio mas estamos confiantes“, completou Elias.

Leia também:

About Author

Gaspar Ribeiro Lança

[email protected] | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. Mais, sempre mais. Foi com o objectivo de fazer chegar este capítulo do desporto a mais adeptos que fundei o Ténis Portugal em 2010. Cinco anos depois, fui convidado a ser co-responsável pela redação dos conteúdos do website, newsletter e redes sociais do Millennium Estoril Open.