Angelique Kerber recupera “trono” e Cibulkova chega ao top 4

0

A semana não foi a melhor para Angelique Kerber, mas no final foi a alemã quem saiu de Indian Wells a sorrir, dado que a ausência de Serena Williams lhe permitiu recuperar o primeiro posto do ranking. O grande destaque do torneio norte-americano foram, no entanto, duas tenistas russas. Perdido no meio de tentas nacionalidades? Vamos aos rankings!

Com a campanha inédita, surpreendente e histórica em Indian Wells, que só terminou com o troféu de campeã nas mãos e depois de uma tremenda batalha de 3 horas, Elena Vesnina aparece hoje, aos 30 anos, na posição mais alta da carreira, um registo ao nível da conquista, igualmente a melhor da carreira para a russa.

Para além de Vesnina, também Svetlana Kuznetsova, a outra interprete da final, apresenta uma melhoria na tabela, ao passar da 8.ª para a 7.ª posição, que anteriormente era ocupada pela espanhola Garbine Muguruza (agora 6.ª).

O grande destaque no top 10 mundial (para além da subida de Kerber ao número 1, que apesar de merecedora de claro registo já era conhecida, dada a desistência antecipada de Serena dos torneios norte-americanos) vai, no entanto, para a passagem de Dominika Cibulkova para o quarto lugar, uma posição nunca antes alcançada pela tenista eslovaca, que até esteve longe do seu melhor em Indian Wells, ao perder na quarta ronda para Anastasia Pavluchenkova (de 21.ª para 17.ª).

Entre as 20 melhores do mundo há ainda lugar para a estreante Kristina Mladenovic, que fruto das boas campanhas esta época (estreou-se nos títulos com a vitória em São Petersburgo e depois chegou à final de Acapulco e às “meias” de Indian Wells) já é 18.ª, um registo máximo na carreira e que lhe vale esta segunda-feira a primeira entrada no top 20.

PORTUGUESAS

Michelle Larcher de Brito — que esta semana regressou aos títulos mais de 5 anos depois — continua a ser a clara número 1 nacional, tendo subido cinco lugares para se fixar na 238.ª posição, enquanto a número 2 Inês Murta desceu para o 581.º lugar.

Maria João Koehler é 753.ª, seguida de Inês Mesquita (1138.ª) e Cláudia Cianci (1160.ª), as restantes tenistas portuguesas com classificação mundial neste momento.

Leia também:

About Author

Gaspar Ribeiro Lança

[email protected] | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. Mais, sempre mais. Foi com o objectivo de fazer chegar este capítulo do desporto a mais adeptos que fundei o Ténis Portugal em 2010. Cinco anos depois, fui convidado a ser co-responsável pela redação dos conteúdos do website, newsletter e redes sociais do Millennium Estoril Open.