[Vídeo] Insólito: árbitro de cadeira obriga João Sousa a cortar o chapéu

0

É raro, muito raro, mas aconteceu na noite desta quinta-feira no encontro entre João Sousa e Diego Schwartzman. Quando o português e o argentino ainda lutavam pela vitória no parcial inaugural, o árbitro de cadeira pediu ao número 1 luso que cortasse uma parte do seu chapéu.

O pedido feito por Carlos Bernardes aconteceu numa das primeiras trocas de lado do encontro, quando o árbitro brasileiro se apercebeu de que no chapéu de João Sousa estavam presentes dois logótipos da Lotto, empresa que fabrica as peças de vestuário vestidas pelo número 37 do Mundo.

De tesoura na mão, Bernardes pediu então ao português que retirasse o que estava visível na “patilha” que prende o chapéu, na parte de trás da cabeça, não tardando a ouvir a reação de Sousa, que protestou em relação ao pedido e pediu que os árbitros se focassem mais no encontro, onde já tinham cometido “três erros”.

Leia também:

About Author

Gaspar Ribeiro Lança

[email protected] | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. Mais, sempre mais. Foi com o objectivo de fazer chegar este capítulo do desporto a mais adeptos que fundei o Ténis Portugal em 2010. Cinco anos depois, fui convidado a ser co-responsável pela redação dos conteúdos do website, newsletter e redes sociais do Millennium Estoril Open.