Roger Federer de novo nos dez primeiros; Rafael Nadal na sexta posição

0

Se há duas semanas lhe dissessem que Rafael Nadal e Roger Federer iriam estar a disputar a final do Australian Open, acreditaria? E se lhe dissessem que o suíço ia ganhar o seu primeiro título do Grand Slam desde 2012? Pois bem, tal aconteceu e com essa conquista veio também o regresso ao top-10, do qual estava ausente desde o dia 7 de novembro de 2016. Com tudo isto, as grandes figuras da semana (e do mês) são Rafael Nadal e Roger Federer.

O tenista espanhol, que mostrou um elevado nível ao longo de todo o Australian Open, está esta segunda-feira na 6.ª posição do ranking ATP. Curiosamente, a final do Major australiano permitiu a Rafael Nadal regressar ao 6.º posto e a Roger Federer voltar à 10.ª posição, onde tinham estado pela última vez no dia 6 de novembro de 2016.

Grigor Dimitrov, por sua vez, atingiu as meias-finais do ‘Happy Slam’ e subiu dois lugares até ao 13.º posto. Mischa Zverev, responsável por eliminar o número um mundial, Andy Murray, logrou uma subida de quinze postos para atingir a sua melhor classificação de sempre, o 35.º lugar. Daniel Evans também merece a devida atenção, dado que chegou à quarta-ronda e tem um novo máximo de carreira, a 45.ª posição.

  1. (1) Andy Murray, 11540 pontos
  2. (2) Novak Djokovic, 9825
  3. (4) Stan Wawrinka, 5695
  4. (3) Milos Raonic, 4930
  5. (5) Kei Nishikori, 4830
  6. (9) Rafael Nadal, 4385
  7. (6) Marin Cilic, 3560
  8. (8) Dominic Thiem, 3505
  9. (6) Gael Monfils 3445
  10. (17) Roger Federer, 3260

    (…)

13. (15) Grigor Dimitrov, 2765
35. (50) Mischa Zverev, 1238
45. (51) Daniel Evans, 1031

Portugueses:

João Sousa, Gastão Elias e Pedro Sousa foram os jogadores portugueses presentes no Australian Open, os dois primeiros no quadro principal e o último no quadro de qualificação. João Sousa, que cedeu na ronda inaugural, desceu quatro lugares até ao 41.º posto, ao contrário de Gastão Elias que, apesar de também ter cedido na primeira ronda, subiu um lugar e fixou-se na 76.ª posição. Pedro Sousa caiu quatro posições e é o 193.º classificado. João Domingues não vê ainda esta semana contabilizados os pontos relativos aos títulos em torneios de categoria Future e desceu 3 lugares até ao 346.º posto. Frederico Silva está em 362.º.

41. (37) João Sousa, 1055 pontos
76. (77) Gastão Elias, 685
193. (189) Pedro Sousa, 293
346. (343) João Domingues, 136
362. (366) Frederico Silva, 125
421. (426) Fred Gil, 97
449. (477) Gonçalo Oliveira, 87
556. (556) André Gaspar Murta, 61
585. (587) João Monteiro, 53

About Author

O ténis apareceu na minha vida como apenas mais um desporto mas rapidamente o cheiro das bolas e o pó cor de laranja da terra batida onde pratico tornaram a minha vida melhor. Desde o som das pancadas, ao simples abrir de uma lata nova de bolas, tudo neste desporto tem encanto.

Leave A Reply

Licença Creative Commons
O conteúdo produzido pelo Ténis Portugal não pode ser modificado sem autorização por parte do responsável do projeto; para efeitos de divulgação, reprodução e utilização não comercial, requer-se a referência ao Ténis Portugal. Licença Creative Commons Attribution - Non Commercial - No Derivatives - 4.0 International.