Ricardo Ojeda Lara conquista título mais importante da carreira no Porto Open

0

Senhoras e senhores, é Ricardo Ojeda Lara o grande vencedor do quadro principal de singulares masculinos da edição de 2016 do Porto Open, que distribuiu 25.000 dólares em prémios monetários e se disputou sobre os campos de terra batida ao ar livre do mítico Clube de Ténis do Porto.

Numa final bastante equilibrada e discutida de parte a parte, com uma excelente afluência do público portuense, foi o espanhol, mais cotado protagonista da final (quarto cabeça de série e número 357 mundial), que se acabou por superiorizar mas só ao fim de três partidas frente a um combativo Gianni Mina, jogador francês de 24 anos e atual 590.º ATP, por 6-3 1-6 7-5 em duas horas e vinte e três minutos de contenda.

Naquela que é já a sua melhor temporada da carreira, Ojeda Lara, de 23 anos, conquista assim o seu quarto título do ano (com os três títulos conquistados à partida para o Porto Open já havia superado os registos de 2014 — dois títulos — e 2015 — um título) e sétimo da carreira na variante individual, aos quais se juntam mais seis na vertente de pares.

Leia também:

About Author

Online desde 2010, o Ténis Portugal assume-se como uma publicação independente que ocupa uma posição de referência no panorama nacional tenístico.