Andy Murray: “Espero que os jogadores se arrependam de não terem ido aos Jogos Olímpicos”

0

Recentemente coroado bicampeão olímpico, Andy Murray teceu esta quarta-feira duras críticas aos seus colegas tenistas que desistiram dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro ou por uma questão de calendário ou por receio do vírus Zika.

“Em todos os Jogos Olímpicos em que participei até agora, eu adorei. Tive experiências fantásticas”, começou por apontar o número dois mundial. “Infelizmente, alguns jogadores não vêem isso dessa forma. Espero que eles se arrependam desta decisão de não terem jogado no Rio de Janeiro e oxalá que na próxima vez tenhamos um torneio mais completo, como em Londres 2012”, rematou.

Por fim, Murray considerou também que a apertada calendarização dos Jogos Olímpicos podem ter prejudicado tanto os fãs como os jogadores. “Talvez o evento devesse prolongar-se por mais alguns dias, isso teria ajudado. Os fãs iriam com certeza desfrutar de ver em ação os principais tenistas masculinos em pares mistos, pois isso não se sucede em mais nenhum torneio”, frisou o tenista britânico de 29 anos.

Leia também:

About Author

Natural da Ilha do Pico, Açores. Estudante do 2.º ano do curso de Direito da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Amante da modalidade desde a adolescência.