Frederico Silva: “Estou confiante de que vou fazer um bom jogo”

0

Frederico Silva é uma das figuras portuguesas do quadro principal do Millennium Estoril Open e ao longo da primeira edição do torneio estará à conversa com o Ténis Portugal para relatar a sua primeira experiência em quadros principais de torneios ATP 250.

A treinar nos campos de terra batida do Clube de Ténis do Estoril desde o final da semana, Silva fez um balanço do seu dia de preparação: “Senti-me bem. Treinei bem, de manhã com o Roberto Carballes Baena e de tarde com o meu adversário, o Gilles Muller, e tive boas sensações em campo. Sinto que estou a ficar mais preparado para começar o torneio.”

Já sobre a experiência que tem tido no CTE e a ‘revolução’ nas instalações, o caldense disse que “o torneio pareceu-me muito bem organizado e pareceu-me também que as pessoas gostaram das instalações novas. Para primeiro dia, acho que todos os campos de jogo estavam bem preenchidos”, fazendo assim referência à grande aderência do público à primeira jornada da história do torneio.

Para além das habituais e necessárias sessões de treino, o dia de sábado foi, também, dia de sorteio do quadro principal — o primeiro da história de Frederico Silva em torneios ATP 250. Quando ao duelo que foi sorteado (defronta o luxemburguês Gilles Muller na primeira eliminatória), Silva afirma que “o sorteio foi o que eu esperava: contava jogar com um adversário forte, com mais experiência e melhor ranking do que eu. O favoritismo está do lado dele mas estou confiante de que vou fazer um bom jogo e que posso ganhar a primeira ronda.”

Para este domingo, estão agendadas novas sessões de treino no Clube de Ténis do Estoril, onde, em paralelo, se desenrolarão todos os embates da segunda eliminatória do qualifying.

Leia também:

About Author

Gaspar Ribeiro Lança

[email protected] | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. Mais, sempre mais. Foi com o objectivo de fazer chegar este capítulo do desporto a mais adeptos que fundei o Ténis Portugal em 2010. Cinco anos depois, fui convidado a ser co-responsável pela redação dos conteúdos do website, newsletter e redes sociais do Millennium Estoril Open.