Serena segue em frente, Halep surpreendida

0
Esta sexta-feira, em Cincinnati, Ohio, ficou definido o Top 4 do Western & Southern Open, havendo lugar para duas surpresas nos dois embates mais equilibrados do dia no que à vertente feminina da competição norte-americana diz respeito.
Serena Williams, primeira classificada na hierarquia individual feminina, não deu novamente muitas hipóteses e bateu facilmente a sérvia Jelena Jankovic por 6-1 6-3 em 59 minutos de partida. “Sinto-me bastante bem. Hoje senti-me melhor. Eu estava a ser consistente. Os meus erros não forçados são inferiores aos que tenho feito este ano, portanto é de continuar a ir nesta direção, definitivamente. Não penso que ela tenha jogado o seu melhor hoje mas sem dúvida que lutou muito”, referiu Serena, que está à procura de vencer este evento WTA Premier 5 pela primeira vez na sua carreira.
Nas meias-finais, Williams irá ter uma desforra dos épicos quartos-de-final em Montreal, na última semana, visto que se deparará outra vez com a dinamarquesa Caroline Wozniacki, 12.ª pré-designada – ela que consta numa das duas surpresas do dia por ter afastado da prova a polaca Agnieszka Radwanska, 4.ª favorita e campeã no Canadá no passado domingo, pelos parciais de 6-4 7-6(5) ao fim de 1h44. Para Wozniacki, esta é a quarta vez na sua carreira (primeira desde 2010) que derrotou, pelo menos, duas tenistas do top10 no mesmo torneio.
O principal destaque da jornada vai, sem qualquer hesitação, para a dura e árdua batalha que nos presenciaram Simona Halep e Maria Sharapova, uma maratona que se estendeu por mais de 2h30 e que terminou favorável à russa, 5.ª candidata ao título, com o resultado de 3-6 6-4 6-4, naquele que era o encontro mais aliciante e desejado em termos de cotação nos rankings do emparelhamento dos quartos-de-final. Halep continua, deste modo, sem vencer ‘Masha’ e irá manter-se no 2.º lugar na hierarquia mundial feminina.
Já Sharapova, líder da Corrida para Singapura, enfrenta por um lugar na final uma velha conhecida, a sérvia Ana Ivanovic, que se voltou a apresentar muito sólida em todos os aspetos do jogo para acabar com o grande torneio da ucraniana Elina Svitolina em sets diretos (6-2 6-3) num encontro praticamente de sentido único.
Artigo redigido por Jorge Marques.

About Author

Natural da Ilha do Pico, Açores. Estudante do 2.º ano do curso de Direito da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Amante da modalidade desde a adolescência.

Leave A Reply

Licença Creative Commons
O conteúdo produzido pelo Ténis Portugal não pode ser modificado sem autorização por parte do responsável do projeto; para efeitos de divulgação, reprodução e utilização não comercial, requer-se a referência ao Ténis Portugal. Licença Creative Commons Attribution - Non Commercial - No Derivatives - 4.0 International.