Federer resiste e avança para as ‘meias’

0
Ninguém celebra o seu aniversário mais do que uma vez por ano. No entanto, Roger Federer é a prova viva de que isso não é bem verdade: depois de na madrugada de quinta-feira para sexta-feira ter afastado o croata Marin Cilic em três sets, o segundo pré-designado manteve a sua invencibilidade a jogar em dias de aniversário ao bater o espanhol David Ferrer, quinto cabeça-de-série, também em três partidas para rumar às meias-finais da Rogers Cup, prova pertencente à categoria Masters 1000.
O suíço, que também havia cedido o segundo set frente a Cilic, perdeu o segundo parcial e foi forçado a trabalhar afincadamente na ‘negra’ para levar de vencido Ferrer por 6-3, 4-6. 6-4 ao cabo de 1h54 de encontro. “Eu fui capaz de encontrar energia e de servir melhor no final do encontro, o que ajudou muito frente ao David porque ele estava a fazer um excelente trabalho no meu segundo serviço para me colocar sob pressão”, reiterou o ‘Maestro’ no final da partida.
Campeão da prova canadiana em 2006, Federer terá pela frente na próxima fase outro tenista do nosso país vizinho, Feliciano Lopez, que causou uma das surpresas da jornada ao derrotar o canadiano Milos Raonic, sexto favorito, pelos parciais de 6-4 6-7(5) 6-3 ao fim de 1h57 exatas de embate, decepcionando os locais que esperavam que esta edição consagrasse um campeão canadiano.
Na parte superior do quadro, de destacar nova surpresa pelo segundo dia consecutivo e pelo mesmo intérprete da jornada anterior: Jo Wilfried-Tsonga, 13.º candidato, mostrou-se a um excelente nível e a uma consistência que nunca tinha mostrado de forma tão assídua como neste torneio para vencer o britânico Andy Murray (8.º pré-designado) por 7-6(5) 4-6 6-4.
Tsonga, semifinalista deste evento pela terceira vez em quatro presenças de carreira, irá encontrar o búlgaro Grigor Dimitrov, 7.º cabeça-de-série, por um lugar na final em Toronto, depois do búlgaro conseguir a proeza de salvar dois ‘match points’ no seu fantástico triunfo diante do sul-africano Kevin Anderson pelos parciais de 5-7 7-5 7-6(6). É a segunda vez na carreira, e na temporada (depois de Roma) que o búlgaro disputa as meias-finais de um torneio desta categoria.

About Author

Natural da Ilha do Pico, Açores. Estudante do 2.º ano do curso de Direito da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Amante da modalidade desde a adolescência.

Leave A Reply

Licença Creative Commons
O conteúdo produzido pelo Ténis Portugal não pode ser modificado sem autorização por parte do responsável do projeto; para efeitos de divulgação, reprodução e utilização não comercial, requer-se a referência ao Ténis Portugal. Licença Creative Commons Attribution - Non Commercial - No Derivatives - 4.0 International.