Kozlov e Rubin fazem história em Wimbledon

0
Stefan Kozlov e Noah Rubin vão disputar este domingo a final de singulares masculinos do circuito de juniores do torneio londrino de Wimbledon, num encontro que assume contornos de historicidade. Na verdade, é a primeira vez desde 1977 que a final masculina de juniores contará com a presença de dois tenistas norte-americanos. 
Nascido em Skopje (Macedónia) há 16 anos, Stefan Kozlov, número 6 mundial, chega ao derradeiro encontro da prova sem ter cedido um único set e, já este ano, atingiu a final do Open da Austrália e os quartos-de-final em Roland Garros. É uma das grandes promessas do ténis dos Estados Unidos da América e apesar de tenra idade já figura no lugar 851 da hierarquia ATP. 
Por seu turno, Noah Rubin, de 18 anos, aparece no 539º posto da classificação ATP (máximo de carreira) e vê agora o seu esforço premiado com a presença na sua primeira final de torneios do Grand Slam. Ele que já havia sido finalista de Roland Garros, em 2012. 
A partida está agendada para as 13h e será disputada no Court No. 1 do All England Club. Os dois jovens tenistas nunca se defrontaram anteriormente.

Leia também:

About Author

Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação pelo ISCTE. Considera-se um privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade.