Kanepi e Suarez Navarro nas meias-finais

0
Kaia Kanepi e Carla Suarez Navarro estão de regresso às meias-finais do Portugal Open, numa reedição da final de 2012, que acabou por ser favorável à tenista estoniana. Anastasia Pavlyuchenkova e Romina Oprandi completam o lote das quatro finalistas.
Kaia Kanepi continua com sucesso a defesa do seu título depois de ter triunfado sobre a japonesa Ayumi Morita, por 6-4 6-3, ao cabo de 1h36 de encontro. A estoniana alinhou mais uma exibição poderosa e bem conseguida para travar o bom momento da atleta nipónica. Regressada de um longo período de lesão, Kanepi está de volta às meias-finais no terceiro torneio disputado em 2013.
Nas meias-finais Kaia Kanepi defronta a espanhola Carla Suarez Navarro, numa reedição da final do ano transacto. A finalista de 2012, em busca do primeiro título no circuito WTA superou a surpresa do torneio, a qualifier porto-riquenha Monica Puig com outra boa exibição no Jamor, triunfando por 6-2 6-4, em 1h35.

A outra meia-final opõe a suíça Romina Oprandi à russa Anastasia Pavlyuchenkova. A atleta suíça, conhecida como a Rainha dos Amorties, alinhou uma exibição imaculada para despachar a russa Svetlana Kuznetsova, dona de 2 títulos do Grand Slam, que se apresentou num dia muito desinspirado, cometendo muitas faltas não provocadas, que lhe custaram o passaporte para as meias-finais, acabando derrotada por 6-2 6-2.

Anastasia Pavlyuchenkova foi a vencedora da grande maratona do dia diante da sua compatriota, Elena Vesnina. A terceira cabeça-de-série, sob o olhar atento da sua nova treinadora, Martina Hingis, a russa, triunfou numa batalha intensa e dramática, espelhada no equilíbrio dos três parciais, 6-3 6-7(3) 7-6(3), em 2h46, depois de Elena Vesnina ter tido a oportunidade de servir para vencer depois de salvar match points.

Leia também:

About Author

Online desde 2010, o Ténis Portugal assume-se como uma publicação independente que ocupa uma posição de referência no panorama nacional tenístico.