Serena Williams campeã em Wimbledon

0
Aos trinta anos, a norte-americana Serena Williams sagrou-se esta tarde campeã de Wimbledon pela quinta vez na sua carreira, derrotando na final a polaca Agnieszka Radwanska, uma estreante em finais de torneios do Grand Slam, ao fim de três sets.
A defender o estatuto de sexta cabeça de série, a jogadora norte-americana de trinta anos entrava em court depois de uma excelente vitória em dois sets frente à bielorrussa Victoria Azarenka, enquanto Agnieszka Radwanska derrotou a alemã Angelique Kerber também em dois parciais.

Claramente favorita à vitória na final, Serena Williams parecia encaminhar-se para uma fácil vitória em dois sets, chegando mesmo ao break de vantagem, na segunda partida, mas Radwanska conseguiu recuperar antes da americana ter a oportunidade de servir para fechar o encontro e adiou a decisão da final para uma terceira partida, onde a mais nova das irmãs Williams voltou a ser mais forte e selou o triunfo por 6-1 5-7 6-2.

Na entrevista realizada durante a entrega dos troféus, Radwanska não escondeu algumas lágrimas enquanto lamentava não ter conseguido vencer Serena: “Apesar da derrota, estou orgulhosa do torneio que realizei. Acho que tive as duas melhores semanas da minha vida e estou muito contente por isso. Tenho muitas memórias boas deste torneio, não só deste ano mas também de 2005 – quando ganhei o torneio júnior. Hoje  não foi o meu melhor dia mas vou tentar outra vez no próximo ano. Estive doente, não foi fácil enfrentar os dias  de chuva mas acho que consegui bons jogos e hoje dei o melhor possível. Agradeço muito o apoio de todos!”

Serena Williams, que venceu pela primeira vez o torneio (e se tornou na primeira jogadora com mais de trinta anos a ganhar um torneio do Grand Slam desde Martina Navratilova, em 1990), mostrou-se radiante com a vitória de hoje: “Oh meu deus! Não consigo descrever o que sinto, estou muito contente por estar outra vez com o troféu na mão, especialmente depois de todos os maus momentos que passei devido a problemas de saúde. Obrigado a todos os que estão no camarote, muito obrigado, não teria conseguido sem o vosso apoio.” A norte-americana teceu ainda elogios ao jogo de Radwanska, que forçou uma terceira partida: “Ela jogou muito bem no terceiro set, dêem-lhe outra salva de palmas porque ela é uma grande jogadora e já conseguiu grandes resultados.” Foi o décimo título de singulares para as irmãs Williams (cinco para Venus e cinco para Serena), e Serena não deixou de mostrar a sua boa disposição: “Sempre quis o que a Venus tinha e agora também tenho cinco risos aqui. Desculpa Venus, e obrigada pelo conselho que me deste durante a interrupção devido à chuva”, afirmou, a rir.

Foi o décimo quarto título do Grand Slam para Serena Williams, o quadragésimo segundo contando com os restantes torneios WTA, enquanto Radwanska perdeu a sua primeira final em torneios major.

Na actualização de rankings de segunda-feira, a jogadora polaca será a segunda classificada (o seu melhor registo de sempre, tendo perdido a oportunidade de passar para o topo da tabela) e Serena Williams a quarta, atrás de Maria Sharapova – que passará do primeiro para o terceiro lugar, permitindo a Victoria Azarenka regressar ao primeiro lugar.

Leia também:

About Author

Online desde 2010, o Ténis Portugal assume-se como uma publicação independente que ocupa uma posição de referência no panorama nacional tenístico.